a dignidade da diferença
11 de Janeiro de 2009

 

Eu sei que já foi publicado o anunciado e muito aguardado Merriweather Post Pavilion dos Animal Collective que tem, de facto, merecido os maiores elogios da crítica especializada, como se pode verificar, por exemplo, neste magnífico texto. Porém, desde que fui, fatalmente, atrás das referências críticas ao também idolatrado Feels, tenho oferecido alguma resistência a cada nova audição da música do grupo.

Aquilo que, pomposamente, cheirava a obra-prima, para mim nunca passou de uma coroa de espinhos e, ainda hoje, estou para perceber tamanhos elogios feitos a uma música eufórica e vagamente experimental, sim, mas sem sentido e a resvalar para o género «coisa de míudos». Enfim, não há opiniões definitivas; poderei estar enganado, mas isso só o tempo o dirá.

Assim, ao tomar conhecimento da novidade através do Público de sexta-feira passada, deixo aqui a oportunidade a quem venha visitar o blog de ouvir em primeira mão a maravilhosa música surrealista de Andrew Bird, naquela que é, a meu ver, a primeira grande gravação de música popular deste ano, o novíssimo e notável Noble Beast da autoria do homem que, depois de Morricone (de quem, aliás, aprendeu, como muito poucos, a lição), melhor soube utilizar o assobio como elemento dramático numa canção. Acrescentem um violino, pop subtilmente experimental, uma voz e delicadas melodias sonhadoras superiormente «organizadas» por uma cabeça cheia de ideias e temos a mais-valia musical deste mês.

Escutem e façam o vosso juízo.

 

 

 

 

Natural Disaster de "Noble Beast"

publicado por adignidadedadiferenca às 21:10 link do post
no meu post de hoje, dia 12 de janeiro, passei-lhe uma daquelas correntes blogosféricas... espero que lhe ache graça. se não, amigos como dantes :-)
sem-se-ver a 12 de Janeiro de 2009 às 22:29
Olá sem-se-ver! Finalmente estou de regresso. Confesso que as correntes não fazem parte da minha dieta e, por essa razão, não vou lhe dar continuidade ligando-a a outros blogs. Mas gostei da originalidade e sentido de humor, pelo que vou tentar arranjar algum músico de quem goste muito que se encaixe ´nas situações que arranjou. Vai levar algum tempo, mas qaundo tiver a resposta faço um post com ela e aviso-a. Bjs. P.S. Aprendi a gostar da pessoa que se revela através do que escreve e isso é muito mais importante do que as coisas em que não estaremos de acordo.
Já vai com um erro. «vou lhe» é «lhe vou», obviamente.
ah, ainda bem que o motivo foi esse!

:-)
sem-se-ver a 23 de Janeiro de 2009 às 09:17
E pronto, já está! Um músico e dez canções para dez perguntas. Post publicado. Bfs
Animal Collective. A mim aconteceu-me o mesmo com o Sung Tongs!!! Nunca mais ouvi o disco e nunca mais quis saber deles. Apesar disso, vi-os (até me chatear e sair antes do fim ) o ano passado no Batalha. Agora, depois da recensão do João Lisboa, fui ouvir de novo o Sung Tongs e fiquei fascinado com o tema “Visiting Friends”. Só com esse…

Mas o que eu gostva mesmo de ouvir era isto http://atalhodesons.blogspot.com/search/label/Teeth%20of%20the%20Sea


Manuel Carvalho a 16 de Janeiro de 2009 às 19:07
Também me ficou a crescer água na boca pelos Teeth of the sea. O texto é óptimo.
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
25
26
28
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Que bom é procurar sempre. ...
É falso que o fenómeno tenha ocorrido no preciso m...
Acho que você é quem deveria pensar pela sua cabeç...
Experimente ler "Fátima, Milagre ou Construção?, u...
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
blogs SAPO