a dignidade da diferença
11 de Agosto de 2008

 

Grande interior W11 (segundo Watteau) de Lucian Freud, 1983 e Pierrot Content de Jean Antoine Watteau, 1712

 

 

 

Entre 1981 e 1983, Freud trabalhou nesta obra baseando-se na pintura mais antiga de Watteau, intitulada Pierrot Content.

Enquanto o quadro de Watteau nos mostra um Pierrot sentado entre duas mulheres, com um ar satisfeito, o trabalho de Lucian Freud , numa demonstração inequívoca de originalidade e personalidade, liberta-se da composição original e do conceito que dela se retira. No lugar da graciosidade e da delicadeza que Watteau emprestou às suas figuras, o genial pintor nascido em Berlim desmonta o drama convencional – a cena de sedução e de ciúme - e rejeita qualquer partícula de romantismo existente na obra onde se inspirou, caracterizando as suas personagens num tom desprovido de graça, sem qualquer elegância, tornando-nos espectadores desconfortáveis perante esta aparente desarticulação.

Contudo, tudo está no sítio certo. A forma desajeitada como os modelos de Freud procuram manter uma pose combina na perfeição com a rudeza do cenário – um quarto exíguo que explica a sensação de aperto que nos transmitem aquelas personagens sentadas na cama de ferro.

Um exemplo formidável do realismo de Freud. Se ambas as pinturas «falam» sobre teatro, a de Watteau mostra a sua crença enquanto a de Freud revela toda a sua desconfiança, ou, dito de outro modo, este último liberta, de forma expressiva, os seus modelos dos estereótipos ligeiramente fantasiados do pintor oitocentista.

 

 

publicado por adignidadedadiferenca às 00:28 link do post
Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
16
20
21
24
25
27
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Que bom é procurar sempre. ...
É falso que o fenómeno tenha ocorrido no preciso m...
Acho que você é quem deveria pensar pela sua cabeç...
Experimente ler "Fátima, Milagre ou Construção?, u...
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
blogs SAPO