a dignidade da diferença
31 de Agosto de 2010

 

Beethoven: Sonatas para piano, Vol. I a VIII, András Schiff (2008)

 

 

As sonatas para piano de Beethoven acompanham a sua evolução musical enquanto compositor de excepção. Desde uma primeira fase em que se revelam demasiado dependentes da tradição clássica, passando por uma fase intermédia mais madura e diversificada, cobrindo um amplo conjunto de formas e estilos. A fase final do genial compositor caracteriza-se por um desenvolvimento dos temas até ao limite, absorvidos por um ambiente contemplativo.

András Schiff esperou uma vida para a gravação integral (em oito volumes) das 32 sonatas para piano de Beethoven. Nas mãos do intérprete húngaro a música de Beethoven revela-se de uma tensão e concentração portentosas, questiona-se e amadurece no silêncio das notas, na sabedoria de uma expressividade que só vem com o tempo. Admirável e irrepetível.

 

 

 

publicado por adignidadedadiferenca às 23:19 link do post
Agosto 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
16
19
20
22
23
28
30
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
O que é a vida, senão um turbilhão de pensamentos ...
Pelo tema, enquadra-se nela sem grande esforço...
Fausto n e da tetralogia. Mas dolce. Q trata do du...
Parece-me uma boa escolha. O som é bom e a qualida...
blogs SAPO