a dignidade da diferença
08 de Setembro de 2009

 

 

Para mim, este ano, a Festa do Avante foi o local onde tive a oportunidade de fazer estas últimas e magníficas aquisições:

 

 

 

Burt Bacharach revisto e ampliado de forma esplêndida pela “troupe” underground e vanguardista, com produção essencial do “guru” John Zorn.

 

 

Óptimas canções tradicionais transformadas pelo grupo francês (da bretanha) em belíssima música de câmara.

 

 

E onde assisti a uma exeburante actuação do grupo de guerrilheiros espanhóis; os Ska - P.

Provavelmente não serão mais do que uma pequena nota de rodapé na história da música espanhola (e da pop em geral), mas, no Domingo que passou, ao concretizarem um desdobramento fantástico entre atitude punk à Clash, secção de metais explosiva e instinto melódico dançando no meio de estilhaços de ruído, aliado a uma noção perfeita de como encenar em palco uma contagiante, saudável e delirante manifestação política e sonora, os Ska – P ofereceram, a quem esteve presente, um dos mais eufóricos e rebeldes concertos dos últimos anos na festa do Partido Comunista.

 

 

 

publicado por adignidadedadiferenca às 23:58 link do post
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
27
29
30
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
É falso que o fenómeno tenha ocorrido no preciso m...
Acho que você é quem deveria pensar pela sua cabeç...
Experimente ler "Fátima, Milagre ou Construção?, u...
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
O que é a vida, senão um turbilhão de pensamentos ...
blogs SAPO