a dignidade da diferença
14 de Agosto de 2009

 

 

Com excepção de «os regionalismos cansativos, o pícaro programático, o virtuosismo exibicionista», que não me parece a melhor forma de descrever um grande escritor, raramente me senti tão próximo da opinião de alguém como é o caso desta que o Pedro Mexia escreveu no seu blogue Estado Civil, e que encontrei no livro que reúne os textos escritos pelo próprio entre Outubro de 2006 e Janeiro de 2009 numa edição da Tinta-da-China:

 

A doença infantil do direitismo é a boutade. Sobretudo no meio cultural. Sendo o «regime» de esquerda, o direitista aprecia acima de tudo as provocações gratuitas. Mesmo que sejam patetas.

Sou um assumido admirador de Vasco Pulido Valente; mas dizer, como ele disse, que Aquillino é um escritor «medíocre» não passa de uma boutade.

É normal que não se aprecie o estilo de Aquilino, os regionalismos cansativos, o pícaro programático, o virtuosismo exibicionista. Mas há que ter sentido das proporções e das palavras.

Dizer que Aquilino é um escritor «medíocre» é uma bojarda. Sobretudo vindo de quem já elogiou Clara Pinto Correia.

 

publicado por adignidadedadiferenca às 23:32 link do post
O Pulido Valente é o Luiz Pacheco dos betinhos.
Manuel a 16 de Agosto de 2009 às 13:23
lol!
Gosto de Aquilino Ribeiro. Pronto.
Quero lá saber da opinião dos outros!
O mundo vive de discussões gratuitas.
E se a humanidade ficasse "calada" durante um minuto? Bolas!
ionesco a 18 de Agosto de 2009 às 21:12
«E se a humanidade ficasse "calada" durante um minuto?»

Ora aqui está uma coisa que me parece bem difícil de se concretizar...
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
15
16
17
20
21
22
23
25
27
28
30
31
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
O que é a vida, senão um turbilhão de pensamentos ...
Pelo tema, enquadra-se nela sem grande esforço...
Fausto n e da tetralogia. Mas dolce. Q trata do du...
Parece-me uma boa escolha. O som é bom e a qualida...
blogs SAPO