a dignidade da diferença
28 de Abril de 2009

 

Alpha «Come From Heaven»

 

 

 

Tapetes orquestrais de celofane onde vão desaguar as magníficas vozes de Wendy Stubbs, Martin Barnard e Helen White escrevem a história da música na era do «sampling» e convivem de forma natural com a poesia de Sylvia Plath, com as melodias de rebuçado de Burt Bacharach e com a canção clássica e romântica da época de Cole Porter ou George Gershwin.

É verdade que os Alpha seguiram um rumo sonoro algo decepcionante e nunca mais assinaram um disco como Come From Heaven, sendo, merecidamente, votados ao mais puro esquecimento; mas este belíssimo e emocionante conjunto de crepusculares prelúdios musicais e exuberantes canções de fim de século, com uma aparência vagamente pálida, persistentemente rítmica, e com um odor enebriante  e silencioso, merece o seu lugar reservado na enciclopédia da música.

Se, para que tal acontecesse, outra razão não houvesse, bastava escutar a assombrosa e arrebatadora interpretação de Martin Barnard em Sometime Later, sublime canção que, durante sete curtos minutos, convoca os espíritos de Tim e Jeff Buckley, a matéria musical de Chet Baker e o majestoso sinfonismo de Scott Walker. É esta a canção que deixo à mercê do vosso julgamento.

 

 

Alpha, Sometime Later

 

publicado por adignidadedadiferenca às 23:48 link do post
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
20
21
23
24
25
27
29
30
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
O que é a vida, senão um turbilhão de pensamentos ...
Pelo tema, enquadra-se nela sem grande esforço...
Fausto n e da tetralogia. Mas dolce. Q trata do du...
Parece-me uma boa escolha. O som é bom e a qualida...
blogs SAPO