a dignidade da diferença
22 de Agosto de 2008

 

Nada, de Carmen Laforet (1945)

 

 

 

Com os devidos e merecedores agradecimentos à autora deste blog – simples, mas muito belo -, que (me) revelou este magnífico livro que eu desconhecia, aproveito o pequeno espaço que me pertence para alinhavar meia dúzia de palavras e destacar devidamente o romance de estreia da escritora catalã Carmen Laforet (falecida em 2004), vencedor do Prémio Nadal.

 

 

 

 

Publicado em 1945, durante o franquismo, o livro impressiona sobretudo pela sua linguagem bastante acessível, mas particularmente incisiva, que retrata de forma exemplar e, simultaneamente, poética e cruel, um país esfomeado, sufocante, silencioso e desamparado, onde os sonhos, as esperanças, o orgulho, as desilusões e as transformações que um grupo de adolescentes vai sofrendo na passagem para a idade adulta nos emociona e cativa de forma inabalável, fazendo-nos, tantas vezes estremecer perante a exaltação e o gelo que a autora serve em tom obstinado e definitivo.

Um romance admirável, recentemente editado pela Cavalo de Ferro, com tradução - do castelhano - de Sofia Castro Rodrigues e Virgílio Tenreiro Viseu.

publicado por adignidadedadiferenca às 00:12 link do post
Vi o seu artigo hoje de manhã.
Gostei. Obrigada.
O meu blog é simples. Sou uma grande "azelha," é o que é!
De qualquer modo , faço os artigos como eu gosto e quero.
Nós , em Medicina, não temos horários.
Acabei de almoçar e aproveito para escrever o comentário.
Como estou de urgência e saio às 0.30, decidi fazê-lo neste momento.
ionesco a 22 de Agosto de 2008 às 15:09
Todos nós, os que criamos blogs para exprimir os nossos gostos pessoais, somos relativamente «azelhas» na construção do dito. O que acaba por vingar é o «valor» do nosso gosto e o maior ou menor jeito para articular uma boa dúzia de palavras ou ideias. A forma é ao gosto de cada um. Eu gosto do seu.
Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
16
20
21
24
25
27
28
29
30
31
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
O que é a vida, senão um turbilhão de pensamentos ...
Pelo tema, enquadra-se nela sem grande esforço...
Fausto n e da tetralogia. Mas dolce. Q trata do du...
Parece-me uma boa escolha. O som é bom e a qualida...
blogs SAPO