a dignidade da diferença
31 de Março de 2011

 

 

O Público, em parceria com a ASA, publicou, na colecção Os Incontornáveis de Banda Desenhada, O Buda Azul, do suíço Cosey (Bernard Cosandey), admirável autor da série Jonathan e de Viagem a Itália, entre outras obras quase tão significativas.Com O Buda Azul, Cosey regressa ao universo contemplativo, reflexivo, silencioso, por vezes sombrio, mas não isento de cor e acção, que caracterizava grande parte da sua obra anterior. Tendo como pano de fundo a ocupação chinesa do Tibete, Cosey narra-nos a história de um jovem inglês, Gifford, recebido pelos residentes de um mosteiro tibetano, do seu encontro com Lhahl, a jovem guardiã do Buda Azul, do amor impossível, da posterior separação e da longa demanda em busca da sua amada. Uma história onde o seu autor consegue, uma vez mais, siderar-nos com a absurda riqueza cromática e o rigor formal do traço, o experimentalismo estético e uma permanente insatisfação que o faz questionar criteriosamente os parâmetros estabelecidos através de uma inesgotável gama de recursos estilísticos. Mas isso, por si só, talvez não bastasse. O que mais nos impressiona é a circunstância do sentido estético de Cosey não ser um corpo vazio, isto é, do requinte instrumental estar aqui apenas para servir uma admirável construção filosófica sobre os desígnios, o sofrimento, as aspirações, os medos e as inquietações que os desafios do mundo contemporâneo provocam. 

publicado por adignidadedadiferenca às 00:47 link do post
Nem conhecia esta série da Público. Obrigado pela dica!
Manuel a 1 de Abril de 2011 às 00:11
A colecção é muito interessante, mas o melhor é mesmo este livro do Cosey. Tens andado desaparecido do teu blog?
Pois. Voltei agora, mas posso desaparecer a qualquer momento!
Manuel a 3 de Abril de 2011 às 12:03
Sempre o mesmo...lol! :-)
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
17
18
20
21
22
23
25
28
29
30
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não consigo vislumbrar uma ligação directa entre a...
Parece-me que existe uma grande crise de valores e...
Não me parece que a crise de valores ou os valores...
Muito bem! Embora nos dias de hoje e na sociedade ...
Certo; tudo bem que existissem questões políticas ...
Já tive o livro, de facto. Contudo, foi mais ou me...
CaroEstou a procura do livro fatima nunca mais mas...
Não deixa de ser um belo aforismo...
O que é a vida, senão um turbilhão de pensamentos ...
Pelo tema, enquadra-se nela sem grande esforço...
Fausto n e da tetralogia. Mas dolce. Q trata do du...
Parece-me uma boa escolha. O som é bom e a qualida...
blogs SAPO